Portal do Vale Tudo

Ronaldo Jacaré anuncia temporada nos EUA: “O foco principal é aprender wrestling”

por: Leonardo Fabri
em 14 de junho de 2017

Jacaré vai passar uma temporada fora para aprimorar o wrestling - Foto: Gleidson Venga

Jacaré vai passar uma temporada fora para aprimorar o wrestling – Foto: Gleidson Venga

Se recuperando de uma cirurgia no peitoral, Ronaldo Jacaré está de malas prontas para Flórida. Depois da derrota para Robert Whittaker, em abril, o brasileiro sentiu a real necessidade de aprimorar o wrestling, e vê nos Estados Unidos a chance de melhorar ainda mais como lutador de MMA em um curto espaço de tempo. Em entrevista ao PVT, ele revelou que viaja em meados de julho e explicou que, embora esteja levando a família, pretende retornar ao Brasil.

“Na realidade a ideia não é me mudar de vez. Vou passar um tempo fora do Brasil, e como não fico longe da minha família, estou indo com minha esposa e meus três filhos passar um tempo lá. O foco principal é aprender wrestling, arte que eu preciso melhorar bastante”, disse o atleta da X-Gym.

Quando se fala em lutador brasileiro na Flórida, a primeira equipe que vem à cabeça é a American Top Team, mas Jacaré não deve ingressar no time de seus compatriotas. A cidade escolhida pelo brasileiro é Winter Park, que fica a 1 hora da ATT e ainda não possui muita academias de Jiu-Jítsu, o que deixa no ar a possibilidade de negócios futuros.

“A princípio está descartada a possibilidade de eu treinar na ATT. Se caso eu precisar um camp de MMA, eu vou montar meu próprio camp, meu próprio espaço. Esse é o pensamento neste momento. Em relação aos meus treinadores, Josuel Distak e Rogério Camões, eu avisei que vou passar um tempo fora com a família. Não falei nada em relação a treinamento porque ainda não tenho nada definido”, explicou.

Quanto à recuperação da cirurgia, o lutador dá boas notícias e já até planeja seu retorno ao octógono ainda neste ano, mais precisamente em novembro.

“O objetivo é voltar no fim do ano. Estou me sentindo bem. Faz dois meses da minha cirurgia e os movimentos das minhas articulações estão ótimos, não perdi nada. A recuperação está indo muito bem, logo estarei de volta aos treinos e em breve dentro do octógono disputando uma boa luta”, acredita.

Sobre possíveis adversários para sua próxima luta, ele cita os dois primeiros do ranking dos médios, Yoel Romero e Luke Rockhold, respectivamente, e não descarta, no futuro, uma revanche contra seu último algoz, Robert Whittaker.

“Não vi a possibilidade de adiar a luta e, sinceramente, achava que eu venceria a luta. Mas meu adversário usou uma estratégia melhor, foi melhor na luta, conseguiu impor um bom ritmo e me venceu bem. Esse filho da mãe com nome de cientista me bateu muito, mas são coisas que acontecem, coisas do trabalho. Meu foco agora é cuidar da minha cirurgia, aprender wrestling e focar nos próximos treinamentos. Assim como aconteceu contra o Mousasi, que eu perdi e depois venci, acredito que a revanche aconteça naturalmente e o resultado seja diferente. Mas como ele me bateu muito, pedir agora pode soar como desculpa”.