Portal do Vale Tudo

Polícia Militar, Marinha e Corpo de Bombeiros formam o pódio da 1ª Copa de Jiu-Jitsu das Forças de Segurança

por: Leonardo Fabri | @Fabri89
em 3 de dezembro de 2018

Além de autoridades das forças de segurança pública, figuras do esporte, como o lutador do UFC Alan Nuguette e a ex-atleta olímpica Rebeca Gusmão, prestigiaram o evento – Foto: Leonardo Fabri

A 1ª Copa de Jiu-Jitsu das Forças de Segurança Pública foi um grande sucesso. No último sábado, cerca de 600 competidores dos mais variados órgãos disputaram o histórico evento realizado na Arena Carioca 1, no Parque Olímpico. A grande campeã por equipes foi a Polícia Militar, com 34 medalhas de ouro; seguida pela Marinha do Brasil – Esquadra, com 19; e Corpo de Bombeiros, com 17.

Responsável direto pela realização do evento, Major Henrique, que comanda o Centro de Educação Física e Desporto da Polícia Militar do Rio de Janeiro (CEFD), destacou o sucesso desta primeira edição e mostrou-se empolgado para a promoção das próximas, já que a Federação de Jiu-Jitsu do Rio de Janeiro (FJJD-Rio), presidida por Rogério Gavazza, incluiu a competição em seu calendário anual.

Sargento Alkaim e Major Henrique vibraram com o sucesso do evento e a conquista da PMERJ – Foto: Leonardo Fabri

“Superou todas as nossas expectativas. Tivemos a presença maciça de todas as forças que integram a segurança pública, tanto competindo quanto torcendo para seus companheiros de farda, e esse clima amistoso abrilhantou ainda mais esse maravilhoso evento. Isso só demonstra a força que o Jiu-Jitsu tem hoje dentro das corporações, não só no estado, mas em todo o Brasil. Como era a primeira edição, abrimos ‘apenas’ 600 vagas, que acabaram com mais de 10 dias de antecedência. A expectativa agora é chegar a um número maior no próximo ano e garantir a realização de mais edições”, vislumbra o Major.

Quem também vibrou foi o Sargento da PM Vinicius Alkaim, que lidera os treinos dos policiais dentro do CEFD. Além da conquista coletiva, ele ainda garantiu o ouro individual, sagrando-se campeão na categoria máster 3 até 77kg.

“Muito feliz. O resultado é fruto de um trabalho que não começou agora, começou lá atrás, com projetos sociais, com policiais treinando e ensinando companheiros de farda e moradores de comunidades, como o Geração UPP e o Artes Marciais Para Todos, que eu faço parte com muito orgulho”, lembrou o policial.

Pedro Paulo Torres, representante da LBV e da Super Rádio Brasil; Capitão-Tenente Di Blazio, chefe de equipe da Marinha do Brasil-Esquadra; e Rogério Gavazza, presidente da FJJD-Rio – Foto: Leonardo Fabri

O segundo lugar do pódio foi festejado com o mesmo entusiasmo do primeiro, mas pela Marinha do Brasil – Esquadra. É importante ressaltar que a equipe foi formada apenas duas semanas antes da competição, o que valoriza ainda mais o resultado. Chefe da delegação, o Capitão-Tenente Di Blazio exaltou a participação no campeonato e prometeu vir ainda mais forte na próxima edição.

“Gostaria de agradecer de coração ao Almirante Alípio Jorge, comandante-chefe da esquadra; e ao chefe de estado maior das esquadras, Almirante Dantas, que fizeram o possível e o impossível para que a equipe de Jiu-Jitsu Marinha do Brasil – Esquadra se concretizasse. Viemos para ficar e tenho certeza que nos próximos anos vamos conseguir resultados ainda melhores, não só em quantitativo, mas principalmente no qualitativo, trazendo expoentes da Marinha para competir”, projeta o faixa-preta. “A verdade é que estamos aqui mais para agregar ao Jiu-Jitsu do que para disputar com as outras forças, para trocar experiências, aprender um pouco com outras forças.”

Solidariedade no topo do pódio

Medalhas à parte, quem brilhou mesmo foi o espírito solidário. Graças à ação da FJJD-Rio, LBV e Super Rádio Brasil, que trocaram o valor da inscrição por latas de leite em pó; e da Marinha do Brasil – Esquadra, que levou alimentos não-perecíveis por conta própria, mais de 1000 latas e quase uma tonelada de alimentos foram arrecadados. Tudo será doado a famílias de baixa renda cadastradas através da campanha “Natal permanente da LBV – Jesus, O Pão Nosso de Cada Dia”.

Confira abaixo a classificação geral por equipes da 1ª  Copa de Jiu-Jitsu das Forças de Segurança, realizada pela CEFD, com o apoio de Secretaria de Segurança (SESEG), Ministério dos Esportes – através da Autoridade de Governança do Legado Olímpico (AGLO) -, FJJD-Rio, LBV, Super Rádio Brasil, Prime Esportes, revista TATAME e Carvalho Hosken S.A.

Primeiros colocados da competição – Foto: Leonardo Fabri

1ª Copa das Forças de Segurança Pública 

Arena Carioca 1, Rio de Janeiro

01 de dezembro de 2018

1º lugar: Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro – 34 ouros, 24 pratas e 28 bronzes (4.600 pontos)

2º lugar: Marinha do Brasil – Esquadra – 19 ouros, 23 pratas e 28 bronzes (26.800 pontos)

3º lugar: Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro – 17 ouros, 22 pratas e 22 bronzes (24.100 pontos)

4º lugar: Comissão de Desportos do Exército – 13 ouros, 6 pratas e 7 bronzes (14.200 pontos)

5º lugar: Guarda Municipal do Rio de Janeiro-RJ – 9 ouros, 4 pratas e 8 bronzes (10.100 pontos)

6º lugar: Secretaria de Estado de Administração Penitenciária do Rio de Janeiro – 9 ouros, 3 pratas e 9 bronzes (9.900 pontos)

7º lugar: Polícia Civil do Estado do Rio de janeiro – 3 ouros, 4 pratas e 4 bronzes (4.300 pontos)

8º lugar: Comissão de Desportos da Aeronáutica – 3 ouros, 2 pratas e 5 bronzes (3.800 pontos)

9º lugar: Guarda Municipal de Rio das Ostras-RJ – 2 ouros, 0 prata e 1 bronze (1.900 pontos)

10º lugar: Guarda Municipal de Arraial do Cabo-RJ – 2 ouros, 0 prata e 0 bronze (1.800 pontos)

11º lugar: Polícia Rodoviária Federal – 1 ouro, 1 prata e 0 bronze (1.200 pontos)

12º lugar: Polícia Federal – 1 ouro, 0 prata e 0 bronze (900 pontos)

13º lugar: Força Nacional de Segurança Pública – 0 ouro, 1 prata e 1 bronze (400 pontos)

14º lugar: Guarda Municipal de Cabo Frio-RJ – 0 ouro, 0 prata e 1 bronze (100 pontos)