Portal do Vale Tudo

DEPOIS DO GONGO: PVT analisa os destaques do UFC 236, que consagrou Adesanya e Poirier

por: PVT | @portaldovt
em 15 de abril de 2019

Quem acompanhou o UFC 236, nesse final de semana em Atlanta, viu, sem dúvida, duas potenciais concorrentes ao prêmio de “Luta do Ano”. Depois da batalha de cinco rounds que consagrou Israel Adesanya campeão interino dos pesos médios, com vitória por decisão unânime sobre Kelvin Gastelum, parecia que o bônus de “Luta da Noite” estava decidido. Mas eis que surgem Daniel Poirier e Max Holloway com outra guerra em cinco atos, valendo o cinturão interino dos leves. Melhor para Poirier, que venceu também por decisão unânime. No final, o bônus foi, merecidamente, para ambas as lutas.

Assim que terminou o evento, o PVT entrou ao vivo no Youtube com a estreia do DEPOIS DO GONGO, nosso novo programa que vai analisar o que aconteceu de melhor nas principais edições do UFC. E, com o que aconteceu no octógono em Atlanta, podemos dizer que o programa estreou com o pé direito. Assista à análise na íntegra no vídeo acima.

Outros destaques do UFC 236 foram a vitória de dois brasileiros. Pelos moscas, Alexandre Pantoja levou a melhor sobre o compatriota Wilson Reis, com um nocaute técnico ainda no primeiro round, ampliando sua sequência de vitórias para três. Pelos moscas feminino, Poliana Botelho se recuperou da derrota da última luta e venceu Lauren Mueller por decisão unânime.

UFC 236

13 de abril de 2019

Atlanta, EUA

Dustin Poirier venceu Max Holloway por decisão unânime
Israel Adesanya venceu Kelvin Gastelum por decisão unânime
Khalil Rountree venceu Eryk Anders por decisão unânime
Dwight Grant venceu Alan Jouban por decisão dividida
Nikita Krylov finalizou Ovince St-Preux com um mata-leão no R2
Matt Frevola venceu Jalin Turner por decisão unânime
Alexandre Pantoja venceu Wilson Reis por nocaute técnico no R1
Max Griffin venceu Zelim Imadaev por decisão majoritária
Khalid Taha venceu Boston Salmon por nocaute técnico ano R1
Belal Muhammad venceu Curtis Millender por decisão unânime
Montel Jackson venceu Andre Soukhamthath por decisão unânime
Poliana Botelho venceu Lauren Mueller por decisão unânime
Brandon Davis finalizou Randy Costa com um mata-leão no R2