Portal do Vale Tudo

‘Confraria da Porrada’: Vale-Tudo de 91 e a transmissão que teria custado a cabeça de importante executivo da TV Globo

por: PVT | @portaldovt
em 1 de novembro de 2018

O Confraria da Porrada desta semana, que está no ar no Youtube e no Spotify, trouxe as lembranças dos bastidores do Vale-Tudo de 1991, o desafio entre Jiu-Jitsu e Luta-Livre que marcou história, sendo transmitido pela TV Globo. Inclusive, a transmissão do evento, sem luva e sem regras, teria custado o emprego de um influente executivo da emissora.

Isso porque na negociação para viabilizar a transmissão do evento, foi dito que não seriam permitidos socos, cabeçadas e demais golpes traumáticos. Quando entrou no ar, o que se viu foi uma show de violência, com tudo o que, no papel, não poderia acontecer.

“Era surpresa para eles (equipe de transmissão). ‘Mas aqui está dizendo que não valia soco’”, relembram. “Começa a primeira luta e é logo uma cabeçada no pau de nariz do Eugênio, não é nem um soco. Cabeçada na cara em plena Rede Globo”.

Este desafio, movido pela rivalidade entre as duas modalidades, teve início numa invasão dos membros da Luta-Livre a um campeonato de Jiu-Jitsu. O episódio foi tão importante na história da luta que inspirou outras modalidades, como relembrou Marcelo Alonso.

“Lembro do Rudimar (Fedrigo) me contando isso. Foi a primeira vez que o pessoal em Curitiba (Muay Thai) viu que tinha Vale-Tudo e a partir dali os caras começaram a treinar chão”.